Divergências sobre trabalho escravo atrasam regulamentação, diz procurador | Brasil de Fato

Atualmente, a legislação brasileira considera trabalho escravo qualquer atividade laboral que submeta o empregado a “trabalhos forçados ou à jornada exaustiva, quer sujeitando-o a condições degradantes de trabalho, quer restringindo, por qualquer meio, sua locomoção em razão de dívida contraída com o empregador ou preposto”, conforme redação do Código Penal.


Tagged:


Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida