Lançamento da campanha contra os agrotóxicos na Bahia

A revolução verde, que chegou ao Brasil por volta da década de 1950, mecanizou a agricultura, impondo à agropecuária um ritmo de produção em série. Se, por um lado, esse fenômeno promoveu uma grande um boom na produção de alimentos, por outro, trouxe à tira colo os agrotóxicos, então denominados eufemisticamente “defensivos agrícolas”. Essas substâncias apresentam no organismo um efeito acumulativo, ou seja, o corpo não tem a capacidade de expulsá-los, ficando sedimentados em nossas células, se configurando como um grande risco à saúde.

Para ressaltar os perigos dos agrotóxicos, acontece neste domingo (11) às 15 h na Sala Walter da Silveira (Biblioteca Pública dos Barris) o lançamento da Campanha Permanente contra os Agrotóxicos e pela Vida. O debate contará com a presença do cineasta Silvio Tendler, de João Pedro Stédile (MST) e de Marie-Monique Robin autora do livro “O Mundo segundo a Monsanto”. A entrada é franca.



'Lançamento da campanha contra os agrotóxicos na Bahia' não possui comentários

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Quer compartilhar suas ideias?

Seu endereço de email não será publicado.

Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida