Moradores passam mal após aplicação de agrotóxico e empresa é multada em R$ 54 mil

Policiais Militares Ambientais de Dourados (MS) foram nesta sexta-feira (19) até uma empresa de aviação agrícola em Jateí (MS), devido à denúncias de que moradores da Gleba Nova Esperança, localizada naquele município, tinham passado mal depois de aplicação de agrotóxicos com uso de aviões em canavial de uma usina sucroalcooleira de Ivinhema (MS), no dia 14 deste mês.

Segundo a PMA, moradores confirmaram que tiveram náuseas, vômitos e irritação na garganta, devido a resíduos do agrotóxico. A empresa foi multada em R$ 54 mil e seus responsáveis responderão por crime ambiental, previsto pelo artigo 56 da Lei 9.605/1998 de: produzir, processar, embalar, importar, exportar, comercializar, fornecer, transportar, armazenar, guardar, ter em depósito ou usar produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos. 

Se condenados, eles poderão pegar pena de um a quatro anos de reclusão.


Tagged: ,


'Moradores passam mal após aplicação de agrotóxico e empresa é multada em R$ 54 mil' não possui comentários

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Quer compartilhar suas ideias?

Seu endereço de email não será publicado.

Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida