Novo Aedes transgênico reforça tese da ineficácia da tecnologia e de seus riscos à saúde

Autora do livro Mosquitos Geneticamente Modificados: Preocupações Atuais, a diretora da organização GeneWatch UK, Helen Wallace destaca que a sobrevivência das fêmeas é quase inevitável e, com o tempo, poderão ocorrer efeitos irreversíveis nos ecossistemas, trazendo desequilíbrios ecológicos e o surgimento de outras doenças transmitidas por insetos. Além disso, há efeitos colaterais que sequer foram considerados e avaliados em virtude da complexidade das relações entre o Aedes, outros mosquitos, os vírus que carregam e os seres humanos que serão picados.



Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida