Não queremos mais venenos!

Brasileiras e brasileiros,

Está em curso na Câmara Federal um projeto de lei que pode colocar ainda mais veneno na sua mesa. O Projeto de Lei dos Venenos está tramitando desde o início deste ano, e abriga sob dele diversos PLs que representam um enorme retrocesso na legislação de agrotóxicos. O pior deles atende pelo nome de PL3200, e começa por alterar o nome de Agrotóxico para Defensivos Fitossanitários, escondendo da sociedade todo o risco que estes venenos trazem para nossa saúde e o meio-ambiente. Além disso, esta mudança na lei irá facilitar o registro de novos agrotóxicos, reduzindo necessidades de estudos aprofundados sobre seus riscos.

A hora é de pressionar. Listamos aqui os nomes dos/as deputados/as que estão na Comissão Especial e seus emails. Envie uma mensagem dizendo que você não aceita nenhum retrocesso na Lei de Agrotóxicos! Sugestão de texto:

Título: Não queremos mais venenos!

Senhores/as Deputados/as,

Venho por meio desta me manifestar contra qualquer alteração na Lei 7802/1989 que facilite o registro de novos agrotóxicos no Brasil. Nosso país já é o maior consumidor mundial de agrotóxicos, e os efeitos destes venenos na saúde e no meio ambiente são inaceitáveis. Precisamos de leis que favoreçam a agroecologia e permitam aumentar a produção de comida sem veneno para toda a população.

Digo NÃO ao PL do Veneno!

Atenciosamente,

 

Parlamentares titulares e suplentes da Comissão Especial:

* dica: copie o conteúdo da tabela e cole no campo “Para:” do seu email.

Tereza Cristina (PSB/MS) <[email protected]>
Valdir Colatto (PMDB/SC) <[email protected]>
Raimundo Gomes de Matos (PSDB/CE) <[email protected]>
Bohn Gass (PT/RS) <[email protected]>
Luiz Nishimori (PR/PR) <[email protected]>
Arnaldo Faria de Sá PTB/SP <[email protected]>
César Halum PRB/TO <[email protected]>
Covatti Filho PP/RS <[email protected]>
Dilceu Sperafico PP/PR <[email protected]>
Hélio Leite DEM/PA <[email protected]>
Luis Carlos Heinze PP/RS <[email protected]>
Professor Victório Galli PSC/MT <[email protected]>
Rogério Peninha Mendonça PMDB/SC <[email protected]>
Sergio Souza PMDB/PR <[email protected]>
Valdir Colatto PMDB/SC <[email protected]>
Zé Silva SD/MG <[email protected]>
Aelton Freitas PR/MG <[email protected]>
Bohn Gass PT/RS <[email protected]>
Evandro Roman PSD/PR <[email protected]>
João Daniel PT/SE <[email protected]>
Luiz Nishimori PR/PR <[email protected]>
Marcos Montes PSD/MG <[email protected]>
Padre João PT/MG <[email protected]>
Rômulo Gouveia PSD/PB <[email protected]>
Adilton Sachetti PSB/MT <[email protected]>
Bruno Covas PSDB/SP <[email protected]>
Heitor Schuch PSB/RS <[email protected]>
Luiz Carlos Hauly PSDB/PR <[email protected]>
Raimundo Gomes de Matos PSDB/CE <[email protected]>
Sarney Filho (PV/MA) <[email protected]>
Tereza Cristina PSB/MS <dep.terezacris[email protected]>
Afonso Motta PDT/RS <[email protected]>
Alessandro Molon REDE/RJ <[email protected]>
Adalberto Cavalcanti PTB/PE <[email protected]>
Altineu Côrtes PMDB/RJ <[email protected]>
Augusto Carvalho SD/DF <[email protected]>
Celso Maldaner PMDB/SC <[email protected]>
Jerônimo Goergen PP/RS <[email protected]>
Josué Bengtson PTB/PA <[email protected]>
Mandetta DEM/MS <[email protected]>
Mauro Pereira PMDB/RS <[email protected]>
Onyx Lorenzoni DEM/RS <[email protected]>
Nilto Tatto PT/SP <[email protected]>
Odorico Monteiro PROS/CE <[email protected]>
Patrus Ananias PT/MG <[email protected]>
Domingos Sávio PSDB/MG <[email protected]>
Júlio Delgado PSB/MG <[email protected]>
Nilson Leitão PSDB/MT <[email protected]>
Shéridan PSDB/RR <[email protected]>
Chico Alencar PSOL/RJ <[email protected]>


'Não queremos mais venenos!' have 2 comments

  1. 2 de maio de 2017 @ 14:58 LORENA SANTOS FERRAZ

    PRECISAMOS INCENTIVAR NOSSOS VEREADORES A ESTAREM A FRENTE QUANTO A PROIBIÇÃO DO USO DE AGROTÓXICOS FORMULANDO LEIS QUE PROIBAM A UTILIZAÇÃO DESTES. ACREDITO QUE ATRAVÉS DA INICIATIVA DO
    PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL, OS DEPUTADOS ESTADUAIS , FEDERAIS E SENADORES SE SENSIBILIZARÃO QUE “‘ NÃO QUEREMOS MAIS VENENOS'”.

    Responder

  2. 17 de agosto de 2018 @ 11:31 Marcos Antonio

    Antes de iniciar os estudos sobre o uso de agrotóxicos, é preciso compreender que a época não se cercaram de regras que possibilitam um melhor esclarecimento e convivência entre as substâncias tidas.

    Seja em ambiente natural, na cultura familiar, no grandes produtores ou em outros países que não “freqüentamos”, as regras estão presentes nos convívios. Na atualidade não seria diferente!

    Fiquemos atentos nas orientações a seguir , pois elas o auxiliarão a manter uma relação de existência com saúde e Ambiente Natural de Qualidade.

    A alteração proposta, é o conjunto de regras de conduta para a comunicação realizada de interesses financeiros. Ela surge como uma forma de estabelecer uma relação desrespeitosa no ambiente natural.

    Agrotóxico é veneno , o organismo não precisa disso.

    Responder


Quer compartilhar suas ideias?

Seu endereço de email não será publicado.

Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida