Tags pulverização aérea

Por que as crianças são as mais impactadas pelos agrotóxicos?

Por Camilla HoshinoDa Lunetas Ocaso de contaminação de André Lucas, 7, por pulverização aérea de agrotóxicos sobre as comunidades de Carranca e Araçá (município de Buriti), no leste do Maranhão, ganhou repercussão nacional e internacional no início de maio. O menino e outros oito moradores foram atingidos pelo veneno em 22 de abril, após três dias…

Um dia, 47 intoxicados: cidade goiana sente na pele o avanço da soja e do veneno

Por Daniel GiovanazDo Brasil de Fato Bela Vista de Goiás (GO), região metropolitana de Goiânia (GO). Em plena pandemia, profissionais de saúde do Hospital Antônio Batista da Silva são surpreendidos às 8h30 por dois ônibus que traziam 60 trabalhadores rurais com sintomas de intoxicação por agrotóxicos. A cena ocorreu na manhã da última sexta-feira (7), após um avião pulverizador…

Live: Chuva de Veneno e violações de direitos no Maranhão

Em plena pandemia, as comunidades tradicionais Carranca e Araçá, no município de Buriti, no Maranhão, foram atingidas pela pulverização aérea de agrotóxicos. Crianças, adultos e idosos denunciam sintomas como queimaduras, coceira generalizada, febre e crises de vômito, após a chuva de veneno. As comunidades vivem cercadas pelo agronegócio e relatam ameaças e intimidações constantes, assim…

Nota de repúdio à pulverização aérea das comunidades tradicionais Carranca e Araçá, em Buriti, Estado do Maranhão

Em plena pandemia do Coronavírus, que no Brasil já vitimou 400 mil pessoas e que no Maranhão fez mais de 7 mil vítimas fatais, as comunidades tradicionais Carranca e Araça, ambas em Buriti, no Baixo Parnaíba maranhenses, foram vítimas de uma gigante tragédia, quando empresas do agronegócio, nas duas últimas semanas, envenenaram as localidades, inclusive…

Assassinato de Zé Maria do Tomé: 9 anos de impunidade

Por Cláudio Silva, no Brasil de Fato Em 21 de abril de 2010, José Maria Filho, o Zé Maria do Tomé, foi assassinado com mais de 20 tiros, a queima roupa, próximo a sua residência, na comunidade de Tomé, Limoeiro do Norte, Ceará. Zé Maria destacou-se na luta contra a pulverização aérea de agrotóxicos na…

“Coquetel de veneno”: organizações denunciam risco crescente do uso de agrotóxicos

Documento alerta sobre os impactos dos venenos agrícolas na saúde e propõe agroecologia como alternativa Por Vitor Shimomura, no Brasil de Fato Problemas no sistema nervoso, depressão, transtornos motores e mentais. Esses são alguns dos efeitos dos agrotóxicos na saúde das pessoas. Os impactos da contaminação foram reunidos em mais um dossiê da Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos…

Fiocruz emite nota técnica sobre pulverizações aéreas no RS

Do site da Fiocruz O GT Agrotóxico da Fiocruz, grupo de assessoramento da Presidência da Instituição, nesta quinta-feira (15), divulgou nota técnica recomendando a adoção de ações voltadas ao reconhecimento do dano, adoção de medidas de prevenção, proteção, vigilância e cuidado, bem como de reparação dos danos para a saúde humana e para o ambiente,…

Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida